Museu memorial de Dostoíevski
O museu memorial e literário do grande escritor russo Fiodor Dostoiévski foi inaugurado em 1971 para comemorar os 150 anos do seu nascimento.

No prédio onde actualmente fica o museu encontrava-se o último apartamento que o escritor alugou de 1878 até a morte em 1881. É aqui onde Dostoiévski criou o seu romance imortal “Irmãos Karamazov”.

Os interiores do apartamento de Dostoiévski foram restaurados com ajuda dos materiais dos arquivos, fotografias e recordações dos contemporâneos do escritor. A exibição ilustra não só a vida de Dostoiévski mas dá uma boa noção sobre a vida da intelligentsia russa da segunda metade do século XIX.

No museu estão representados diferentes objectos que pertenceram à família Dostoiévski, livros que foram oferecidos ao museu pelos descendentes do escritor. Uma rica exposição literária conta sobre a vida e obra de Dostoiévski.

Com o tempo as colecções do museu iam crescendo. Actualmente o museu contém uma riquíssima colecção de arte gráfica, arte aplicada, fotografias do escritor e seus famosos contemporâneos, manuscritos e retratos. A biblioteca do museu consta de cerca de 24000 volumes. O museu possui também a colecção de cartazes e programas de obras teatrais inspiradas nas obras de Dostoiévski. Na sala cinematográfica pode-se ver os filmes baseados nas obras do escritor.

Ao longo dos anos da sua existência o museu transformou-se no centro cultural e científico importante. Todos os anos aqui se organizam as lições internacionais “Dostoiévski e a cultura mundial”.